segunda-feira, 28 de julho de 2014

MAJOR BRAZUCA de Fábio Gracia & Bruno T Barney

Theófilo Guerra era um praça recrutado pelo ditador brazuêro Antúlio Verga para a luta contra o nazi-fascismo na Italia. Sua atuação como soldado era tão duvidosa quanto sua moral, como indicam alguns incidentes com a fauna local.  Buscando fazer uma caipirinha, misturou à sua tradicional cachaça “Ô, Maravilha!” o soro secreto roubado dos aliados Norte-Americanos. Como resultado, suas habilidades físicas foram incrivelmente incrementadas. A mistura do soro com a cachaça, no entanto, faz com que esteja permanentemente bêbado, o que o torna ainda mais perigoso e difícil de ser controlado. Não está claro se ele precisa do suprimento constante de cachaça para manter seus poderes ou se bebe apenas porque é a coisa que um bêbado mais gosta de fazer.
Sua atuação durante a segunda guerra foi decisiva, no que liderou o Batalhão Brazuca à glória e subiu rapidamente no ranqueamento militar até chegar à posição de Major. Por isso ficou conhecido em todo Brasil como Major Brazuca.
Após o retorno ao Brasil, Major Brazuca sumiu, supostamente em uma missão na amazônia. Quase 70 anos depois, o herói brazuêro retornou soba  tutela do coronel Nicolau Brabeza para lutar contra as forças da "baderna".

Poderes: 
Força de 51 homens.
Reflexos apurados, que no entanto são prejudicados pela embriagues constante.
Arroto de cachaça.
Proteção dos bêbados - Major tem bastante sorte. Alguns dizem ser a proteção de Etílicus, o Deus romano dos bêbabos.
Ultraregeneração hepática.
Pacto com o saci

Voce pode ler e baixar sua HQ - AQUI
Voce pode acessar seu blog - AQUI

segunda-feira, 9 de junho de 2014

CICLONE & CAPITÃO BRASIL - Em Rota de Colisão!


Quadrinho Digital publicado com nosso sêlo virtual, como apoio ao Quadrinho Independente em uma parceria também com a ROX Quadrinhos, tendo a participação dos personagens CICLONE (Jorge Araujo) e CAPITÃO BRASIL (Antonio Peres) que após um leve e ou poderoso confronto unem-se contra uma ameaça maior... Um quadrinho simples, com uma história linear no estilo nonsense da década de 60...

Para saber mais sobre os personagens, veja aqui mesmo neste blog.

Voce pode LER e BAIXAR com a extensão PDF, aqui no ISSUU

Voce pode BAIXAR e ler no seu computador- extensão CBR - AQUI

quinta-feira, 30 de janeiro de 2014

OS COMETAS!

OS COMETAS são um grupo de heróis afins, com as mesmas raízes criativas, até mesmo por designação... Aqui eles partem dos confins do Universo e chegam a TERRA para iniciar suas aventuras. É um "teaser" de apresentação, para ler, basta clicar na imagem acima....

VIGILANTES & CATALOGADOR - Uma aventura na Terra do Tempo Parado.

Os Vigilantes se deparam com uma grave ameaça... Com ajuda do Catalogador descobrem que um antigo vilão, Imperador da Terra do Tempo Parado está por trás de tudo... Uma aventura emocionante cheia de referencias da "Golden Age" Brasileira... Vilões como THOK (antigo inimigo do Hydroman de Gedeone e Akimoto), Os Homens Pássaros a Ilha do Tempo Parado, numa grande homenagem ao quadrinho de 60... LEIAM, basta clicar na imagem acima.... PARA ASSISTIR O VÍDEO QUADRINHO - ACESSEM AQUI (http://marcosgratao.com/quadrinhos/vigicata/index.html)

ESCORPIÃO DE PRATA encontra EXÚ em LEGADO!

Escorpião de Prata descobre que sua missão não começou com a morte de seu avô. Sua coragem é um LEGADO que surge no seu passado, antes dos seus ancestrais virem da África para o Brasil Colônia. Consciente da sua ancestralidade, o Herói Capoeirista percebe que são as suas raízes que o tornam mais forte. Não deixem de ler esta maravilhosa HQ do Escorpião de Prata e EXÚ... Basta clicar na capa acima... BOA LEITURA!

quarta-feira, 4 de dezembro de 2013

X-MAN de Eugenio Colonnese

Podem ler on line, basta clicar na imagem acima.
Podem baixar para ler no seu computador - AQUI

Personagem do Quadrinho Brasileiro publicado na década de 60... Foi publicado como “suplemento” do “Jornal Jovem”, na edição do Suplemento em Quadrinhos#03 em Janeiro de 1968. O “jornal” era editado pela LINOGRÁFICA EDITORA LTDA/São Paulo. Nos créditos da publicação constam como Diretor Editor: Paulo C. Marti; Diretor Editorial: Álvaro de Moya e como Diretor de Produção: Reinaldo de Oliveira.

O “Jornal Jovem” se dedicava a apresentar, somente na última capa, notícias, em especial ao movimento da Jovem Guarda entre outras notas relativas ao meio artístico/musical e das mídias de rádio e televisão de então. O projeto, que parecia ser o mote da publicação, era mesmo o Suplemento em Quadrinhos, que revivia a sua inspiração/homenagem/influência, inclusive na logomarca e sua grafia do antigo tabloíde—Suplemento Juvenil, lançado pelo pioneiro dos Quadrinhos no Brasil Adolfo Ainzen em 1934 (ainda como Suplemento Infantil)...

O Suplemento em Quadrinhos, a exemplo de seu congênere de 30, apresentava em suas páginas bem acabadas, aventuras dos personagens clássicos como O Fantasma, Mandrake, Flash Gordon, Batman, etc. mas, na edição de número 3 (infelizmente - a última), nos brindou com uma história completa do Mestre Eugenio Colonnese, do seu personagem denominado X-Man.

Pouco se sabe sobre o personagem que apresentamos nessa edição digital, embora muito cultuado pelos amantes do Quadrinho Brasileiro... Mas podemos dizer que o personagem foi mesmo desenhado pelo Colonnese em 1968 a confirmar, sua assinatura no último quadro da publicação com esta data... Não temos notícia de uma outra aventura do personagem anterior e ou posterior a essa pelo autor. Alguns pesquisadores dizem que o personagem teria sido criado para um editora britânica denominada Fleetway que o teria recusado... Bem, verdade ou não, o herói é brazuca!

X-MAN.. O nome?! Acho que propositalmente, no projeto do autor, ele quis realmente brincar com o imaginário do leitor... Em toda a história não há evidências de uma identidade secreta e o mascarado com um enigmático “X” no peito chama-se X-Man! O autor, um versado na mitologia dos pulps e comics, creio, nos brindou com um “homem secreto” ao estilo e cheio de clima noir ... O vilão, a mocinha, os capatazes bem vestidos, o projeto fantástico da construção de um “homem de ferro”, cientistas raptados, etc., tudo gira em torno dos temas da literatura pulp americana, onde surgiram os primeiros G-MEN... As letras G, X se anexaram nestas mídias para expressar então estes homens maravilhosos da fantasia, G-Man, X-9, X-Man... Avalio neste contexto todo que realmente o nome do personagem seja mesmo intencional, para designar um homem misterioso, secreto, desconhecido, fantástico, assim como o próprio “x” representa uma incógnita, um X-MAN!

Boa leitura! Breve, resgataremos outros personagens de nossa HQ... © 2013 Lancelott.

domingo, 1 de dezembro de 2013

quarta-feira, 13 de novembro de 2013

EVÊ de Hélio Guedes

EVÊ é uma criação de Hélio Guedes...  O personagem capoeirista foi projetado para o cinema mas, o projeto não foi concluído e o autor nos brindou, através dos quadrinhos,  com esta bela história que apresentamos aqui a primeira parte, através do sêlo deste blog ( parceiros de todos os autores que queiram apresentar seus personagens)...
Seguem abaixo os links para leitura on-line (PDF) e download em CBR
No meu ISSUU, podem ler AQUI
Para download AQUI

segunda-feira, 11 de novembro de 2013

ÉGOS by Sérgio Oliveira

ÉGOS, uma criação do fanzineiro Sérgio Oliveira, desenvolvido para o zine Fábrica de Monstros. O personagem tem por função nas tramas em que surge expor, como uma parábola, as exibições dos égos dos demais personagens, como um "tentador"...
"...este ser é a personificação do "primeiro EU" onde ele manipula situações e as pessoas para benefício próprio. - Seu ÉGO!" (SO)
"Manipulação das massas ampliando assim seu império, induzindo indivíduos a viverem para si mesmos em detrimento do próximo. Oferecendo em troca falsa luz..."(SO)
Na sua saga, também tem o papel de "fornecedor" de heróis/criações para o CATALOGADOR, numa relação de troca, aplicável, neste caso à realidade... 
Pode manipular este "egocentrismo" através das estrelas na sua face e peito, atribuindo uma sensação de extrema luz e ou breu total...

segunda-feira, 4 de novembro de 2013

LAGARTO NEGRO - A REVISTA

Voce tem aqui, na tela de seu computador, o segundo número da revista digital do LAGARTO NEGRO de Gabriel Rocha. A revista é uma compilação de histórias antigas do personagem publicadas entre 1998 a 2002...
O personagem é um ícone dos Quadrinhos Independentes com muitos fãs desde o movimento dos fanzines e webzines... Para conhecer melhor baixem por estes links...
AQUI  (VOL 1) em cbr
AQUI  (VOL 2) em cbr
ISSUU (VOL 1) para leitura ON LINE e PDF
ISSUU (VOL 2) para leitura ON LINE e PDF


sábado, 2 de novembro de 2013

CATALOGADOR DE UNIVERSOS Vs. GARRA CINZENTA & FLAMA

“ENCONTROS”?! Sim, a qualquer momento, inusitadamente, personagens do Quadrinho Brasileiro estarão aqui com o Catalogador de Universos, que no seu anseio insaciável por catalogá-los, os confronta, experimenta-os, conhece-os... Talvez, algo maior esteja por vir, quem sabe um grande confronto, ou pequenos eventos interligados ... Só o futuro dirá!

Meus amigos e fãs do Quadrinho Brasileiro, com esta minha sede de "catalogar" personagens oriundos desta fantasia gráfica, resolvi aliar à minha pesquisa um novo formato de contar e mostrar as nossas criações, obscuras ou não, marginais ou não, de fanzines e ou "oficiais", muitas delas mesmo feitas por grandes autores e circunscritas às suas regiões não são de conhecimento da grande maioria dos brasileiros, resolvi criar a revista UNIVERSO BRASIL, que ( na medida do possível) resgatará e ou homenageará criadores e criações...


Será uma publicação digital, com a frequência que os custos permitirem, de início, um "teaser” de 8 páginas que abre uma infinidade de possíveis continuações... Este trabalho teve a participação do amigo Renan Ishin(arte e cores), do Adriano Felix (cores págs 7-8)... É apenas um resgate à memória do nosso quadrinho para leitura free sem qualquer retorno financeiro e um tributo aos autores Deodato Borges e Francisco Armond/Renato Silva...


Aqui apresentaremos O GARRA CINZENTA  e O FLAMA que mesclamos com informações subliminares, como as cores pigmentadas nas pages do Flama que remetem ao tipo de impressão da década de 60; no Garra, mantivemos a grafia original dos diálogos de 37 e ausência de cores; mostramos o Edifício São Luiz, onde realmente funcionava a Rádio Borborema que apresentava  o programa radiofônico - As Aventuras do Flama;  em um dos quadros, reproduzimos a primeira capa do herói paraibano com os meninos ouvindo o rádio; o asteroide do Catalogador chama-se Costela de Adão, numa alusão ao grande ficcionista brasileiro Berilo Neves, enfim, uma aventura simples, sem quaisquer pretensões de louros, um “teaser” como prefiro denominar,  quem sabe o início de um projeto maior...

Espero que gostem...
Baixem AQUI
ISSUU (Para leitura ON LINE e baixar PDF)

Lancelott


quarta-feira, 9 de outubro de 2013

RESISTENTE por Juliano Rocha

Resistente é uma criação do autor Juliano Rocha, em 03 de junho de 2013. As influências para sua criação são personagens como Demolidor, Capitão América e Wolverine.
As aventuras do herói estão sendo publicadas em formato de webcomic  seriada. Futuramente será publicado a edição impressa.
Personagem
Nome verdadeiro:
Eduardo Oliveira
Características físicas:
1,90m de altura, 94 kg, cabelos e olhos castanhos, pele parda.
História:
Aos 25 anos de idade, Eduardo Oliveira foi diagnosticado com uma doença degenerativa incurável. Seu pai, grande cientista e pesquisador do uso de células-tronco, aplicou todo o seu conhecimento para reconstituir parte do seu corpo. O tratamento foi um sucesso mas um acidente fez com que as células-tronco ficassem expostas à radiação, causando uma mutação e lhe dando força, velocidade e resistência sobre humanas.
Poderes:
Resistente, é capaz de levantar 6 toneladas, correr a uma velocidade de aproximadamente 100 km/h e seus ferimentos e contusões cicatrizam 10 vezes mais rápido que um humano normal.

sábado, 14 de setembro de 2013

ESCORPIÃO DE PRATA Fanarts (Lancelott & Eloyr Pacheco)

O Projeto FANART é  uma compilação de várias artes esparsas do personagem Escorpião de Prata. Mas, antes cabe uma definição do termo...Fanart ou fan art é uma obra de arte baseada em um personagem, fantasia, item ou história que foi criada por fãs. 
Não haveria melhor definição para este e-book... As artes aqui apresentadas  foram feitas por admiradores do  Escorpião de Prata, desde o movimento do fotolog Terra até o advento do facebook. Foram compiladas artes antigas e novas, enviadas para esta publicação por artistas de todo Brasil e fãs confessos do herói. 
Como bem disse Eloyr Pacheco:
"São tantos estilos, tantas técnicas, tantos olhares diferentes sobre o Escorpião de Prata que eu, como roteirista, às vezes não o entendo por completo. (“Decifra-me ou devoro-te!”) Numa leitura mais profunda eu o vejo como miscigenado assim como é o povo brasileiro. Não quero filosofar... Paro aqui esta divagação."

IMPERDÍVEL!!!

LINK para baixar basta clicar AQUI:
ISSUU (Para ler ON LINE e baixar PDF)


terça-feira, 3 de setembro de 2013

CAPITÃO GRALHA by Francisco Iwerten

O Capitão Gralha foi um personagem obscuro do Quadrinho Brasileiro na década de 40... Seu criador foi Francisco Iwerten, que apresenta o primeiro personagem alado de nosso quadrinho pela Gráfica Eclipse em tres edições (possivelmente). Os registros sobre o Capitão Gralha foram apresentados em 1997 através da equipe criativa de O GRALHA, um descendente deste herói, como forma de homenagem ao Iwerten e para consubstanciar a origem do novo herói das araucárias.
O Capitão Gralha era um alien refugiado na Terra e passa a defendê-la com suas habilidades e poderes, tornando-se "O Maior Herói do Mundo."


URUBU de Leonardo Vidal e Edson DiAngello

“A inspiração principal foi Dom Quixote e suas idéias cavaleirescas; adaptando para o nosso tempo, o fulano só podia querer ser um herói. No lugar da loucura resolvi colocar uma mistura de crise de meia-idade com depressão profunda causada por um divórcio traumático, mais a vontade de impressionar o filho. O essencial, o patético, eu mantive.”Leo Vidal.
Personagem criado por Leonardo Vidal, calcado nos transtornos da mente, viscerados no rude cotidiano... Não é quixotesco, nem fantasias irreais os motivos que levaram o personagem a tornar-se um “herói”... O herói foi publicado na revista virtual (e-zine) FARRAzine#V, de 2008 com capa magistral de Edson DiAngello, artista co-autor do conceito gráfico do personagem. Este é mais um personagem originário do projeto F.A.R.R.A de Eudes Honorato, criado para dar “vazão aos SONHOS”... A web tem possibilitado, neste formato de mídia, excelentes criações para a HQBr, pena restringir-se a uma ou duas publicações...

sábado, 20 de julho de 2013

SOBERANO de Lunyo Souza

Soberano é uma criação do artista brasiliense Lunyo Alves de Souza em 2005... O personagem absorveu na sua construção as influências, como afirma o autor do "Superman como a maioria, minha cidade Brasilia... sua Arquitetura... de Oscar Neye Mayer. e a Maçonaria Brasileira" . O Soberano, realmente pela sua figura, expira todas estas vertentes e fontes de inspiração dosadas propositadamente pelo autor.  A brancura das vestes, símbolos e o próprio nome não poderiam estar melhor empregados no super-herói.
Gabriel de Freitas ao conquistar o mais alto grau da Maçonaria, uma Sociedade Secreta e Iniciática, foi congnominado de Soberano - O Cavaleiro Branco e a ele foi passado um uniforme, o Manto Branco, com poderosos recursos oriundos de uma sabedoria antiga... 


sábado, 29 de junho de 2013

F.D.P. de Leonardo Santana & Jose Henrique

F.D.P. ou melhor  Fernando Drummond Pessoa é uma criação do roteirista Leonardo Santana e o ilustrador José Henrique, publicado em título próprio/autoral em 2008...  O personagem F.D.P., que pelo acrônimo já se define, é um repórter inconsequente  que se envolve com criminosos  nada comuns. Apesar de apresentar um perfil  no mínimo duvidoso, o herói(!?) tem  a capacidade de irritar seus interlocutores e muita sorte para lidar com situações extremas...

SILAS VERDUGO, O Homem do Patuá de Elmano Silva

Silas Verdugo, O Homem do Patuá foi criado pelo pernambucano Elmano Silva, nos anos 70 e publicado na revista Spektro#21,22 e 24 da Editora Vecchi. Foi publicado também pela Editora Marca de Fantasia em 2005 contando sua origem...
O Homem do Patuá é possuidor, como o próprio nome indica, de um talismã/patuá milagroso que o protege de qualquer ataque, seja físico ou espiritual...  O personagem é requisitado para embates com o fantástico e o mal, sempre bem vestido e portando uma cartucheira.


FRANCO de Luigi Colafigli

Franco, O Atirador é um personagem do arquiteto e ilustrador Luigi Colafigli, criado em 2004 e integrando o zine Subterrâneo, com aventuras rápidas e objetivas.
O assassino profissional que "adora" o seu serviço, sempre cumpre seus contratos por bem ou por mal, não quer saber da vida de quem vai matar, nunca revela seus contratantes, não aceita suborno e sempre termina seu trabalho...
Franco, mora e ou se esconde nos subterrâneos da cidade onde atua, quase sempre não sai de seu "bunker": "Ele só sai dos subterrâneos da cidade quando tem de trabalhar." E aqui, claro, uma relação com a publicação "Subterrâneo" numa leitura interessante, vinculando o personagem e o zine.

PATRULHEIRO FANTASMA de Rubens Cordeiro

Patrulheiro Fantasma é um personagem de Rubens Cordeiro, publicado na década de 60 pela Editora GEP, nas revistas Superargo...  "Existe um Patrulheiro Fantasma? Muitas pessoas afirmam tê-lo visto e recebido ajuda dêle! Quem seria o Patrulheiro Fantasma? Alguns afirmam ser o espírito de um policial-rodoviário que faleceu em um acidente quando executava uma missão de salvamento! Mas, existe mesmo o Patrulheiro Fantasma?" ( Texto de apresentação do personagem...)
O herói-espírito e ou fantasma continua sua missão a favor da ordem protegendo os andarilhos e viajantes, surgindo a qualquer momento em sua possante halley davidson...

sexta-feira, 28 de junho de 2013

CAPITÃO CAATINGA de Franco de Rosa e Sebastião Seabra

Capitão Caatinga foi uma criação de Franco de Rosa e Sebastião Seabra. O personagem estreou no Jornal "Notícias Populares" em julho de 1974 e foi produzido initerruptamente por 4 anos e mais a frente, com destaque, na Editora Grafipar, publicado regularmente na revista "Sertão Pampas".
O herói ou anti-herói é um solitário sem nome conhecido apenas por "Capitão" a vagar pelo sertão sempre com os sentidos aflorados à flor da pele... Suas aventuras se passam na fase final do cangaço nordestino sendo ora perseguido por cangaceiros e ora pela polícia e sempre seguindo sua trila solitária...